• Facebook
  • Twitter

NOTÍCIAS

08/11/2021

SEGURADORA DEVE INDENIZAR FILHAS DE MOTORISTA QUE POSSUÍA TEOR ALCOÓLICO INSIGNIFICANTE

A Justiça do Distrito Federal condenou uma seguradora a indenizar as filhas de uma motorista que faleceu em um acidente de trânsito. A seguradora argumentou que a indenização não poderia ocorrer pois foi verificado, em exame, que a condutora possuía  1,3dg/L (um vírgula três decigramas de etanol) por litro de sangue. A tese da Seguradora não foi aceita. O Juiz destacou que o acidente ocorreu devido à chuva e más condições da pista e que quantidade de álcool consumido pela falecida era irrisória e não comprometeu a capacidade motora ou de raciocínio dela. #barcelosecardosoadvocacia



OUTRAS NOTÍCIAS